Você se sairia bem em uma entrevista de emprego? Descubra no teste

Faça o teste e descubra o quanto você está preparado para uma entrevista de emprego

O teste abaixo traz algumas situações básicas em uma entrevista de emprego. Faça o teste e descubra como você se sairia em uma entrevista de emprego:

Entenda os erros e acertos

Se você não se saiu bem, veja alguns comentários sobre a maneira correta de agir em uma entrevista profissional:

Questão 1 – Salário

Pesquisar sobre a empresa e área de atuação da mesma é fundamental para se sair bem em uma entrevista. Pesquisar a média salarial da sua categoria também é importante, mas você não deve, em hipótese alguma, iniciar a conversa perguntando sobre salário e benefícios. Primeiro escute o que o entrevistador tem a dizer, é provável que ele mesmo fale em valores até o término da entrevista. Só pergunte se a entrevista chegar ao fim, sem que esse assunto seja mencionado.

Veja como responder sobre pretensão salarial.

Questão 2 – Roupas

Se você não tem ideia de como as pessoas se vestem na empresa, o melhor é optar por algo discreto e mais formal.

Questão 3 – Horário

O ideal é chegar 10, 15 minutos antes da entrevista, não é necessário mais do que isso. Chegar na hora exata não é uma boa ideia, porque pode ser que você tenha que preencher algum formulário antes da entrevista, então é bom chegar um pouco antes. E, por fim, chegar depois da hora marcada: de jeito nenhum! Planeje bem como você chegará na empresa, para evitar atrasos.

Questão 4 – Contando sua história

Trata-se de uma entrevista profissional, logo o foco deve ser a sua carreira e como suas competências e experiências poderão contribuir com a empresa.

Questão 5 – Qualidades e defeitos

Fuja de clichês: destaque qualidades que você possui e que serão úteis no cargo que você pretende ocupar. Na hora de apontar um defeito, use a sinceridade e procure dizer o que você tem feito para melhorar.

Questão 6 – O que dizer sobre o antigo emprego

Sobre seus empregos anteriores, destaque o que você aprendeu neles. Não fale mal de ex-patrões ou colegas, pois pode acabar sendo mal interpretado. Mesmo que você tenha sido prejudicado, isso não interessa ao entrevistador, afinal, como apontamos antes, o que importa na entrevista é como suas experiências contribuíram para que você se saia bem no novo cargo.

Questão 7 – Quando você não sabe a resposta

Se você não sabe a resposta ou não entendeu a pergunta, apenas peça para o entrevistador explicar mais uma vez a questão. Acredite: é melhor do que tentar “enrolar” e acabar respondendo alguma bobagem.

Questão 8 – Futuro

Se você planeja crescer dentro da empresa, quer dizer que você deseja contribuir para o crescimento da empresa. Assim, é lógico que o entrevistador não se animará com um candidato que quer a vaga enquanto não consegue nada melhor.

Questão 9 – Tempo sem trabalhar

Para explicar lacunas no currículo, fale de cursos, trabalhos voluntários ou freelance que tenha feito, para mostrar que você não ficou simplesmente parado durante esse tempo. Mas, se não foi o caso, não invente. Se você teve problemas pessoais (como a necessidade de tratar alguma doença sua ou de algum familiar), explique de forma sucinta e objetiva, afinal, sua vida privada não deve ser o foco principal de uma entrevista profissional.

Questão 10 – Perguntas

É sempre bom demonstrar interesse sobre a empresa, então, perguntar algo sobre a atuação da mesma é muito válido.

Gostou das dicas? Compartilhe!

Procurando oportunidades? Acesse o RIOVAGAS