Competências, habilidades ou conhecimentos: qual a diferença?

Entenda qual a diferença entre os termos “competência”, “habilidade” e “conhecimento”

Palavras comuns em anúncios de vagas, “competências”, “habilidades” e “conhecimentos”, costumam ser usadas como sinônimos por candidatos e até por profissionais de RH. No entanto, os termos tem significados sutilmente diferentes.

Entender o que distingue uma expressão da outra é importante para compreender melhor quem é o profissional que a empresa está buscando e também para elaborar seu currículo com maior clareza.

Qual é a diferença entre “competências”, “habilidades” e “conhecimentos”?

As competências são características que podem ser desenvolvidas por meio de treinamento ou experiências. Ou seja, que podem ser aprendidas. Já as habilidades são qualidades que o profissional possui. São aquelas características que podem ajudar um funcionário a desenvolver determinadas competências.

Você pode ser uma pessoa extrovertida, com facilidade para conversar e fazer amizades. Essa característica pode ajudar você a se desenvolver em uma carreira ligada à vendas. As competências necessárias para isso, no entanto, serão aprendidas em um curso de técnicas de venda.

Conhecimentos, por sua vez, são a compreensão teórica ou prática de um assunto. Em outras palavras, dizer que tem conhecimento sobre algum assunto não indica que você está pronto para trabalhar com ele.

Por exemplo, uma pessoa tem conhecimentos de inglês por ter estudado em uma escola bilíngue e ter feito intercâmbio; outra tem seus conhecimentos baseados no que aprendeu assistindo a vídeos na internet. Obviamente, a primeira pessoa possui conhecimentos mais aprofundados. Daí a importância de ser especifico sobre experiências e cursos, deixando claro seu nível de conhecimento.

Gostou das dicas? Compartilhe!

Procurando oportunidades? Acesse o RIOVAGAS